Obsessivo

névoa

Era denso e profundo o círculo onde você estava.
Uma névoa te separava de mim.
Senti muito a tua ausência.
Tive que seguir em frente e te deixar para trás.

Conheci outras pessoas que me encantaram,
mas não desta maneira.
Você demorou muito a sair de mim.
A sua voz ficou na minha cabeça,
ela não se calava.

As suas palavras me despedaçavam.
Acordava e dormia pensando em você.
O seu rosto não saía de jeito nenhum da minha mente.

Não sei definir o que senti,
o que significava aquela sensação:
Amor ou desejo?
Ilusão ou carência?

Reprimi toda aquela quentura,
todo aquele aconchego.
Não sabia o que te dizer.
Preferi me esconder e ficar quieto.

Minha mão tentou te alcançar
viveu aquela fantasia:
Queria te tocar,
mas na realidade isso não era possível.

Deixei você passar…

platonico

Anúncios

3 comentários sobre “Obsessivo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s